Curva do esquecimento de Ebbinghaus: tudo que você precisa saber

curva do esquecimento

Com certeza você já ouviu falar na curva do esquecimento de Ebbinghaus, mas você sabe como funciona e como evitar para melhorar seu desempenho nos estudos?

São essas e outras perguntas que irei responder no decorrer desse artigo. Iremos entender como o estudo desse psicólogo alemão Ebbinghaus ajudou para melhorar o desempenho nos estudos e na captação de novas informações. Vamos nessa!

Quem foi Ebbinghaus?

Como dito acima, o conceito de curva do esquecimento foi criado pelo psicólogo alemão Ebbinghaus (1850 – 1909). Ele foi o pioneiro nos estudos envolvendo a memória, sendo conhecido por sua descoberta da curva do esquecimento e do efeito de espaçamento.

Além disso, foi um dos primeiros a desenvolver e descrever a curva de aprendizado. 

Basicamente, a curva do esquecimento diz que com o decorrer do tempo vamos esquecendo o que foi estudado por nós. Funciona como no gráfico a seguir:

curva do esquecimento de ebbinghaus

Esse gráfico mostra que no momento em que acabamos de estudar retemos praticamente tudo, e à medida que o tempo vai passando, a curva vai aumentando, logo, vamos esquecendo o que estudamos.

Porque ocorre a curva do esquecimento?

A curva do esquecimento ocorre quando o nosso cérebro entende que não é mais necessário registrar informações que não usamos mais, criando espaço para novas informações.

Ou seja, quanto menos determinado conteúdo é estudado, menos relevante ele vai se tornando para o nosso cérebro. É essencial, portanto, estimular a memória ao longo do tempo, para que essa informação fique guardada e não seja descartada, beleza?

O que fazer para superar a Curva do Esquecimento?

Para superar essa curva do esquecimento de ebbinghaus, é necessário que você revise as informações da maneira certa e no momento certo. Além dessa revisão, é necessário o estudo complementar teórico e prática de exercícios.

Um estudo realizado com alguns alunos apresentou que ler é 9% mais efetivo do que assistir a vídeo aulas, além de ser 25% mais eficiente do que aulas presenciais e 44% do que áudios. De acordo com essa pesquisa, a prática é 37% mais efetiva do que a teoria, enquanto revisar é 45% melhor do que a prática.

A verdade é que nós precisamos encontrar um equilíbrio em todos esses métodos de aprendizagem, dependendo, é claro, da realidade de cada pessoa.

O que fazer para evitar a curva do esquecimento?

Para diminuir o esquecimento, é preciso estudar em forma de ciclo, ou seja, não estudar uma única disciplina por vez.

É só nos entendermos que o aprendizado se dará de forma gradual, de pouquinho a pouquinho. Não é atoa que nós começamos a estudar dos 2 aos 5 anos. Isso quer dizer que a todo momento estamos em evolução constante com a nossa aprendizagem, tornando ela cada vez mais sólida.

Desse modo, após um estudo teórico sobre determinada matéria, você pode resolver exercícios para notar quais foram seus erros, logo, quais foram suas maiores dificuldades.

Na hora da revisão, a dica é focar naqueles assuntos que você tem essa maior dificuldade, além disso, você pode procurar por alguns métodos eficientes de revisão.

  • Mapas mentais
  • Resumos
  • Macetes e Mnemônicos
  • Flashcards

Eu (Césary), utilizo bastante os resumos e os mnemônicos. Esse último são formas bem simples e didáticas para você aprender o conteúdo de forma mais rápida. É utilizado esquemas, gráficos, símbolos, palavras ou frases que te ajudam no processo de memorização. Indico demais!

Dicas para os estudos

Segue algumas dicas para que você possa melhorar o seu desempenho nos estudos:

1 – Inclua revisões em seus estudos

Experimente incluir uma revisão de 10 minutos a cada 1 hora estudada. Você pode reler as suas anotações ou seus resumos, por exemplo. O tempo pode variar dependendo da pessoa, mas já é um começo.

2 – Revise novamente!

Após uma semana, lembre o seu cérebro dos conteúdos estudados. Reveja os tópicos e as anotações novamente daquela matéria. Somente dessa forma, o cérebro vai entender a importância desse estudo, diminuindo o risco dele “descartar” essa informação, dando aquele famoso “branco”.

3 – Já sabe né? Revise mais uma vez…

Depois de 30 dias, faça uma revisão extra sobre os principais tópicos, pois vai ajudar na sustentação daquele conhecimento, ou seja, vai impedir que o cérebro descarte essas informações.

O método dessa revisão vai depender muito de pessoa para pessoa. É importante que você utilize uma técnica que combine com o seu jeito de estudar. Não adianta nada fazer algo que não te agrada.

Alguns exemplos de revisão são: fichas-resumos, flashcards, resumos, mapas mentais, esquemas, mnemônicos, são inúmeras opções, fica a seu critério escolher o que se encaixa melhor nos seus estudos.

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Não se preocupe, não fazemos spam.

Conclusão

Assim, entendemos que cada ser humano possui um jeito específico para aprender algo. E é com base nesse jeito que nos adaptamos à curva do esquecimento. Ou seja, aos poucos, cada pessoa vai entendendo como funciona a sua metodologia de estudos e a partir daí vai aplicando as revisões para evitar a curva do esquecimento de ebbinghaus.

Portanto, procure entender o que se encaixa melhor na sua forma de estudar, não tente aplicar algo que você não gosta, pois não terá resultados. Aplique uma técnica de revisão que realmente você goste, para vencer assim, a curva do esquecimento.

Esse artigo foi útil para você? Deixe um comentário e continue lendo nossos artigos!

Sobre o Autor

Césary Matheus
Césary Matheus

Acadêmico de direito, redator e fundador do Blog Destrinchando o Direito.

3 Comentários

O que achou do conteúdo? Deixe seu comentário!


Solicitar exportação de dados

Use este formulário para solicitar uma cópia de seus dados neste site.

Solicitar a remoção de dados

Use este formulário para solicitar a remoção de seus dados neste site.

Solicitar retificação de dados

Use este formulário para solicitar a retificação de seus dados neste site. Aqui você pode corrigir ou atualizar seus dados, por exemplo.

Solicitar cancelamento de inscrição

Use este formulário para solicitar a cancelamento da inscrição do seu e-mail em nossas listas de e-mail.